"Este tipo de trabalhos [...] fazem não só ter confiança redobrada no seu trabalho, como permitem recomendar os seus serviços para todos aqueles que queiram alcançar uma tão dificílima prova de reconstituição histórica"

Gostaria de agradecer à IAL na pessoa da Dra. Irina Alexandra Lopes, a qualidade e profissionalismo com o qual realizou a investigação de todo o laborioso trato sucessivo, relacionado com a propriedade e posse de terrenos dentro da faixa do domínio público marítimo (titularidade dos recursos hídricos), que a sua larga experiência como historiadora, permite-lhe ter a competência para de forma minuciosa e muito clara, tratar de importantes detalhes probatórios, que são chave para quem não queira correr o risco de perder os seus bens a favor do estado. O trabalho compreendeu a realização de uma exaustiva investigação histórico-patrimonial, desenvolvida em grande medida em arquivos regionais e municipais, a qual possibilitou fortalecer e completar o trato sucessivo do imóvel em causa, desde o presente até à segunda metade do século XIX, documentando-se e transcrevendo-se as muitas anexações, desanexações e transmissões sofridas ao longo dos anos. A complexidade é muito maior, quando houve além de heranças, vendas, transmissões e alterações de prédios, factos agravados como o cenário de destruição de arquivos que ocorreu em muitas conservatórias e arquivos competentes (ex. camaras municipais). “É como encontrar uma agulha num palheiro” Este tipo de trabalhos, que já exigem competências e capacidades específicas e quando são realizados assim, fazem não só ter confiança redobrada no seu trabalho, como permitem recomendar os seus serviços para todos aqueles que queiram alcançar uma tão dificílima prova de reconstituição histórica que a lei exige. O meu reconhecido bem-haja pela excelência do trabalho alcançado!