Árvores Genealógicas

Árvores Genealógicas

Os modelos de árvores genealógicas que a IAL fornece são dois: 5 gerações e 7 gerações. Independentemente do tipo de árvore genealógica que escolher a identificação das gerações começa a partir da primeira pessoa, nascida na primeira metade do século XX para a árvore de 5 gerações (5.º avós) e na segunda metade do século XX para a árvore de 7 gerações (7.º avós).

As principais fontes de pesquisa são os assentos ou registos paroquiais de batismo, de casamento e de óbito, existentes no Arquivo Nacional da Torre do Tombo e nos Arquivos Distritais portugueses, de onde provém as informações basilares da investigação genealógica, concretamente: os nomes, idades, naturalidades, filiações, profissões e outros dados relativos ao estatuto socioeconómico, assim como, os nomes de padrinhos e testemunhas, e causas da morte.

O produto final entregue ao cliente é constituído pelo estudo genealógico onde consta toda a informação apurada nas fontes documentais, ou seja, a história da sua família, uma árvore esquematizada (formato A3) e as fotocópias/digitalizações dos documentos consultados, com as devidas referências arquivísticas. A investigação genealógica pode, ainda, ser complementada por uma pesquisa em obras de referência.